Comissão de Liberdade Religiosa repudia atos de violência e intolerância contra integrantes de religião de matriz africana

NotaRepudioA Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Pará, por meio da Comissão de Liberdade Religiosa, manifesta seu repúdio aos atos de violência e intolerância religiosa ocorridos na madrugada do domingo de Círio (13), praticados por membros da Guarda Municipal e policiais militares contra integrantes de religião de matriz africana, com destaque para a Associação dos Filhos e Amigos Ilê Asé Omi Ofá Karê.

Sem qualquer justificativa jurídica e na contramão da liberdade de expressão e crença, os agentes públicos tentaram silenciar e recolher os tambores do movimento cultural Ilê Asé Omi Ofá Karê, usando violência e gás de pimenta nos que opuseram resistência pacífica.

É inaceitável que a violência, intimidação e tentativa de calar os tambores tenham ocorrido na celebração da festa magna da cultura, religiosidade e história do povo paraense, principalmente na praça denominada “República”, decorrente da expressão em latim res publica: “coisa pública”, de todos.

Para mostrar compromisso com a sociedade, com a República e com as liberdades individuais garantidas na Constituição Federal, a Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Pará, presta solidariedade aos integrantes da Associação dos Filhos e Amigos Ilê Asé Omi Ofá Karê.

 

 

Subseções

 

Publicações

Links Úteis

 

 

      

   

  

 

 

OAB - SEÇÃO PARÁ

Praça Barão do Rio Branco, 93 - Campina
Belém-PA - CEP 66015060
Fone:(0xx91) 4006-8600
Fax: (0xx91) 4006-8603